Aprendendo a monitorar os próprios pensamentos e sentimentos!

Postagens polêmicas e despropositais nas redes sociais fazem afastar bastantes pessoas… eu fiz algumas nesta semana sem pensar e isso me custou a perda de 31 amigos no Facebook, mas me serviu de lição para muita coisa!

Advertisements

A verdade dói muito mais na vítima do que na vitimadora!

Eu tenho me esforçado para deixar isso para lá, mas não está adiantando, não sei como e por que mesmo! De repente, até seria melhor nem tocar mais no assunto, só que isso me faz me sentir bem menos ruim (mesmo de longe não ficando bom)!

Ela é minha pior inimiga, e, agora, está expondo seus trabalhos de artista visual no mesmo local do que um velho amigo meu (e do que o esposo dela também, o qual ainda é meu amigo)!

Essa criatura tão impura e pervertida é aquela mesma que veio mentir para mim duas vezes, me colocar para baixo e falar mal de minha melhor amiga para mim sem esta estar presente! Eu conhecia essa pessoinha tinha quatro anos na época, dá para acreditar em uma coisa dessas afinal?

Detalhe que ela mesma sabia que eu não queria que ela fosse atrás de mim, veio fazer stalking contra mim e ainda veio me dizer por escrito que o stalking era eu próprio por insistir em querer esclarecer devidamente as coisas todas na realidade!

Também sei que é melhor perdoá-la, acontece que não sei o que e como fazer!

A propósito: creio minha melhor amiga não ler isso; mas; caso ela esteja lendo, que saiba eu ser eternamente e extremamente grato a ela pela amizade, até mesmo por me autorizar a homenageá-la em quaisquer trabalhos meus que sejam (geralmente, ao lado de uma amiga em comum e da própria irmã mais nova, esta também minha amiga, por de certo)!

E em tempo, ainda estou escrevendo a primeira temporada da série de TV Confusões Conjuntas e o longa-metragem Apaixonado Até o Passado, links com os roteiros: http://saviochristi3.blogspot.com/2018/08/confusoes-conjuntas-historias-da.html e https://saviochristi3.blogspot.com/2018/10/apaixonado-ate-o-passado-tema-de.html!

Otaku – O que é? Qual verdadeiro significado?

❤️ Você já ouviu falar da expressão Otaku? Sabe o seu verdadeiro significado? Como esse termo surgiu? Neste artigo vamos fazer uma análise profunda na

Source: Otaku – O que é? Qual verdadeiro significado?

Bem, você não deve levar a sério tudo o que dizem o Yahoo! Respostas, a Wikipédia e o Wikcionário: se lembre de que qualquer pessoa pode escrever o que bem entender sem receber pagamento e reconhecimento para tanto!

Aliás, até nas escolas, já andam ensinando muitas coisas erradas, imagine então na internet!

Se bem que a usuária Mare parece estar correta quanto ao significado da palavra otaku, embora o site Origem da Palavra nos forneça outra visão, dê uma lida: http://origemdapalavra.com.br/palavras/otaku/!

E já que ela falou em erros, você mesmo escreveu antissocial com hífen em vez de com dois S, hentais no plural com S se hentai não tem plural e tantos outros erros mais que você logo perceberá se fizer uma revisão completa do texto todo!

Agora, preciso saber o que é otaku para o roteiro de um mangá que estou desenhando e escrevendo; e; na dúvida, deixarei que é seu lar mesmo, por mais que o Origem da Palavra seja muito mais confiável!

Mas acho que os dois significados para otaku estão certos: tanto seu lar quanto referência honorária da segunda pessoa (é como já disse uma amiga minha desenhista: “As palavras têm vários significados!”)! De qualquer forma, darei prioridade à primeira opção por se encaixar bem mais e melhor em meu roteiro!

Se interessar, o roteiro da história está bem aqui (Arigatô aos Amigos do Universo: Um Evento para Lá de Desanimado): https://saviochristi3.blogspot.com/2018/10/roteiro-da-edicao-especial-arigato-aos.html, também fiz três vídeos divulgando (Um evento de anime de outro mundo, Recuperando a animação em duplo sentido, 1ª. versão e Recuperando a animação em duplo sentido, 2ª. versão): https://www.youtube.com/watch?v=9vgHV9dkybA, https://www.youtube.com/watch?v=Of2hykYjDaI e https://www.youtube.com/watch?v=VB2YPpOtS0A, deixarei o que escrevi do jeito que está!

Exercitando o perdão e a boa autoestima!

Eu estava com muita raiva e tristeza de alguém (que eu mesmo descrevia como idiota) por querer me fazer crer que minha melhor amiga é mau-caráter, nunca mexi com os amigos dela para ela atacar minha melhor amiga!

Recentemente, ao conversar com parentes e amigos, decidi perdoá-la de vez, sendo que uma amiga em específico me disse que o perdão definitivo ocorrerá quando eu trocar a palavra idiota por algo neutro (quanto a isso, está correta e já fiz a troca!).

E bem, não quero mais saber desse alguém, se me procurar mais uma vez, explicarei de maneira bem respeitosa que não mesmo e assim ficará!

Quando o outro não vale a pena, mas o que ele nos ensina, sim!

Depois de repetidas vezes em que quebrei a cara com gente que não vale a pena, aprendi a selecionar direitinho meus amigos, além de ter aprendido a não ficar enaltecendo, enobrecendo e honrado qualquer ser senciente que me aparece pelo caminho (já não era sem tempo de isso acontecer)!

Não faço como uma garota daqui da capital estadual, que acha que os amigos que ela vê pouco são menos valiosos do que os que ela vê muito, mente para os outros e os coloca para baixo e ainda fala mal dos amigos dos outros e dos trabalhos dos mesmos para estes!

Essa garota (que é artista visual e escritora) também tem crise de estrelismo, mania de grandeza e sentimentos persecutórios, sendo que não é conhecida fora da Grande Vitória, não é influente e relevante com o que faz e não é da mídia!

Detalhe que ela mesma veio me “stalkear” repetidas vezes para me descer a lenha, me meter o sarrafo e me destilar o veneno e ainda veio me dizer que o “stalker” era eu próprio!

Mas tudo bem, já aprendi: para elogiar e homenagear alguém em público, devo pedir autorização previamente!

Delírio e surto virtuais têm culpa e cura, sim, Senhor!

Gente que vem delirar e surtar contra mim só porque sou popular com meus desenhos e ainda tenho síndrome de Asperger é que deve ser proibida de utilizar a internet, não eu (que não utilizo contas extras e / ou colegas!)!

Tem gente que adora delirar e surtar mesmo, uma pena isso, mas fazer o quê?

Não me julgo melhor ou pior do que quem é “tradicional”, sou apenas diferente e faço disso meu perfil pessoalmente, virtualmente e por telefone, estão sabendo?